sábado, 3 de janeiro de 2015

Êxodo: Deuses e Reis

- É muito bom? Não.
- É ruim? Não.
- E o 3D? Só profundidade.
- E o drama? Falta emoção.
- E a aventura? Nada espetacular.
- E o visual? É bonito.
- Tecnicamente? Excelente.
- E o ritmo? Ora bom ora cansativo.
- E a história? Tenta fugir da fantasia bíblica com uma pegada mais política, mas não consegue.
- Isso atrapalha? Sim.
- Por quê? O roteiro recria situações com saltos temporais que deixam a trama menos explicativa.
- O que falta no filme? Inspiração na direção e 'emblematismo'.
- E o elenco? Bom (Sigourney Weaver está no filme?).
- Merece Oscar? Não.
- Conclusão: 'Não dirás falso testemunho contra o teu próximo'.


Êxodo: Deuses e Reis (Exodus: Gods and Kings)
EUA / Reino Unido / Espanha, 2014 - 150 minutos
Épico / Drama / Aventura
Direção: Ridley Scott
Roteiro: Adam Cooper, Bill Collage, Jeffrey Caine, Steven Zaillian
Elenco: Christian Bale, Joel Edgerton, Ben Kingsley, John Turturro, Aaron Paul, Ben Mendelsohn, Sigourney Weaver, Hiam Abbass, María Valverde, Golshifteh Farahani, Tara Fitzgerald
Cotação: * * *


Termômetro:
- Humor: *
- Drama: * * *  
- Romance: * *
- Fantasia: * * 
- Ação / Aventura: * * * 
- Policial: * 
- Suspense: * *  
- Sexualidade: *
- Escatologia: * * 
- Violência: * * *
- Efeitos especiais: * * *