quarta-feira, 18 de abril de 2012

Meu malvado favorito

Foi-se a época em que quase todas as animações lançadas eram boas. Os filmes tinham um roteiro bem trabalhado com ótimos dramas, boas piadas e situações impagáveis. Com o avanço da tecnologia e a proliferação de estúdios, o gênero teve um avanço gráfico e um desgaste de conteúdo, fato comprovado em “Meu malvado favorito”.

A história mostra a disputa entre dois vilões, Gru e Vetor, que se apoderam dos principais ‘cartões postais’ do planeta e sonham em ser o ‘inimigo público número 1 do mundo’. A briga se concentra em roubar a lua, o que gera um conflito entre os dois sobre quem será o primeiro a conseguir tal proeza.

O problema do filme é o fraco roteiro que tropeça em seus gigantescos furos (não há ninguém que combata os vilões), na premissa frágil e no sentimentalismo entre o protagonista e as crianças que adota para fazer parte de seu plano maligno. Essa relação soa piegas e não convence justamente pela interação artificial da personalidade fria e maliciosa de Gru com a graciosidade e inocência das garotas.

Outro ponto negativo do filme são os elementos cômicos pouco inteligentes que, as vezes, parecem forçar a narrativa a inserir piadas de humor negro em uma atmosfera infantil. Umas anedotas funcionam, mas outras não e isso ajuda a deixar a animação menos atrativa.

Tecnicamente, o gráfico é impecável, faz bom uso das cores e insere boas cenas de ação, porém tem um visual convencional e pouco criativo. As criaturas amarelas Minions são praticamente inúteis para a trama e incompreesíveis dentro do universo do filme, mas entretém a criançada por serem infantilmente tolas. “Meu malvado favorito” não diverte o esperado para os adultos, mas deve agradar a gurizada.

Meu malvado favorito (Despicable Me)EUA, 2010 - 95 minutos
Animação / Infantil
Direção: Pierre Coffin, Chris Renaud
Roteiro: Ken Daurio, Cinco Paul
Elenco: Steve Carell, Jason Segel, Russell Brand, Kristen Wiig, Julie Andrews, Will Arnett, Danny McBride, Jemaine Clement, Miranda Cosgrove, Jack McBrayer, Mindy Kaling, Ken Jeong
Cotação: * *